MAIS DIGNIDADE | Prefeitura entrega cartão social à famílias.

MAIS DIGNIDADE | Prefeitura entrega cartão social à famílias.

A Prefeitura de Ouvidor, por meio da Secretaria de Cidadania e Ação Social deu início na noite de ontem (22), a entrega do cartão Dignidade às famílias em maior situação de vulnerabilidade social, a idosos e pessoas com algum tipo de dificuldade de locomoção. A intensão é chegar até o final do ano com 250 famílias beneficiadas. 

O cartão tem o crédito de R$ 100 mensais, para que a própria família vá ao supermercado e escolha o que comprar. O programa substitui a entrega das cestas básicas. Para a Cuidadora de Idosos, Liciane Pereira da Silva, o cartão dará mais dignidade a ela: “A cesta também era muito bom, mas às vezes não era aquilo que a gente mais precisava naquela hora. Agora, com o cartão, vou poder escolher o que comprar, talvez um Danoninho”, contou. Dona Cosma Maria de Sousa falou da alegria de receber o cartão. “Vou comprar mais verdura, mais bolacha, essas coisas de casa”, disse ela que é mãe de 3 crianças. 

Foi uma noite festiva, reunindo vereadores, secretários, o vice-prefeito, Nelson Manoel, sua esposa Maria das Graças, além do prefeito Onofre Galdino, a primeira-dama e secretária de Cidadania e Ação Social, Vivian Felício e as primeiras famílias que receberam o benefício que estará disponível em conta amanhã mesmo. O cartão será aceito na rede de supermercados da cidade de Ouvidor. Para o prefeito, o Cartão Dignidade é também uma forma de fomentar a economia local. “Estou muito feliz nesse momento. É um resgate à dignidade das pessoas. Elas vão escolher o que querem comprar. Melhoramos a autoestima das pessoas. Isso é muito gratificante”. 

“É o coroamento de um trabalho que levou 4 anos, que é levar dignidade aos ouvidorenses”, disse Vivian emocionada. Ela explicou que o número de famílias beneficiadas irá aumentar gradativamente. “Daqui a 15 dias, mais 50 famílias, depois de 15 dias mais 50 famílias”, falou destacando que o dinheiro já estará liberado amanhã mesmo. 

As famílias poderão usar o cartão nos supermercados locais e depois, prestarão contas à secretaria de Cidadania e Ação Social, apresentando o cupom fiscal. O cartão dá direito a compra de gêneros alimentícios, artigos de higiene e limpeza, exceto cigarro e bebidas alcoólicas.